Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

SESSÃO DE ESCLARECIMENTO SOBRE A MEDIDA “COMÉRCIO INVESTE”

Comercioinvestesite 1 750 2500
09 Março 2015

Vários empresários e comerciantes do Concelho do Barreiro estiveram presentes, hoje, dia 9 de março, na sessão de esclarecimento sobre a medida “Comércio Investe”. Esta iniciativa foi promovida pela Câmara Municipal do Barreiro, a ACISBM — Associação Comércio Indústria e Serviços do Barreiro e Moita, com o apoio do IAPMEI — Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas e à Inovação. Recorde-se que a medida “Comércio Investe” visa apoiar “projetos de investimento promovidos por empresas ou por associações empresariais destinados à promoção da inovação de processo, organizacional e de marketing nas empresas do setor do comércio, em todo o território do continente”.

José Vale, engenheiro do IAPMEI, começou por referir que “uma cidade sem um comércio vivo é uma cidade desertificada”. E apresentou alguns dados relativos à primeira fase do “Comércio Investe”, nomeadamente a apresentação de 836 candidaturas, com 57% de aprovações, e a criação de mais de 1500 postos de trabalho.
A nova fase de apoio à atividade comercial assenta em duas vias, designadamente o Sistema de Incentivos e a Linha de Crédito.

José Vale explicou os objetivos do “Comércio Investe”:
• Aumentar os níveis qualitativos da oferta comercial;
• Dinamizar a divulgação da oferta através de espaços virtuais e de comércio eletrónico;
• Promover conceitos de comercialização ligados a marcas próprias com potencial de
internacionalização e valor acrescentado nacional;
• Desenvolver atuações conjuntas que combinem a modernização dos estabelecimentos comerciais e a dinamização das zonas urbanas;
• Simplificação e modernização dos apoios.
Em termos de modalidades, as candidaturas podem ser efetuadas como:
• Projeto individual – Promovido por uma empresa, visa a valorização da oferta dos estabelecimentos abertos ao público, através da aposta na inovação e da utilização de formas avançadas de comercialização
• Projeto conjunto – Promovido por uma associação para requalificar e dinamizar a oferta comercial de um centro urbano, através de um programa de intervenção num conjunto de estabelecimentos ou ações complementares de promoção e dinamização do centro urbano.

Em termos de Projetos Individuais, os beneficiários são as micro e pequenas empresas com atividade principal na divisão 47 da CAE (Comércio a Retalho), salvo algumas exceções, explicadas na sessão.
Entre outros aspetos, José Vale explicou as Condições de Elegibilidade das Empresas e dos Projetos, as Despesas Elegíveis e Não Elegíveis, o Incentivo a Conceder (40% das despesas elegíveis até 35.000 € por projeto), os Critérios de Valorização.

Abordou ainda todos estes aspetos mas relativamente aos Projetos Conjuntos.
Recorde-se que as candidaturas à nova fase de 2015 encerram às 18h00 de 27 de março (Projetos Individuais) e 13 de abril (Projetos Conjuntos).

A apresentação efetuada por José Vale pode ser consultada na íntegra AQUI.

Mais informações em www.iapmei.pt; info@iapmei.pt ou Linha Azul IAPMEI: 808 201 201

Município do Barreiro © 2015 | Todos os direitos reservados

logotipo de wc3amrs logotipologotipo Wiremaze