Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Perigo Meteorológico de Incêndio | AVISO à POPULAÇÃO 16 JULHO

Ptc 1 1024 2500
2020/07/16

Situação Meteorológica

De acordo com a informação disponibilizada pelo IPMA para as próximas 48 horas, salienta-se o tempo quente e seco:

  • Humidade relativa do ar entre 15 e 30% durante a tarde, em geral sem recuperação noturna (noites secas) nas três noites, apenas com entrada de humidade noturna na madrugada de sábado para domingo no litoral centro e sul.
  • Vento do quadrante Leste durante a noite e início da manhã, por vezes forte (até 40 km/h) nas terras altas. Vento moderado (até 25 km/h) do quadrante oeste durante a tarde, sendo na faixa costeira ocidental hoje e amanhã e em todo o território no sábado.
  • Temperatura máxima em geral acima de 35 ºC. Acima de 40 ºC na bacia do Tejo e no Alentejo, com valores até 43 ºC. Noites quentes, acima de 20 ºC na generalidade do território, com temperatura mínima acima de 25 ºC em algumas regiões.
  • Possível situação de comportamento errático dos incêndios.
  • Risco de incêndio Máximo nas regiões do Norte, do Centro, vale do Tejo, Alto Alentejo e Algarve, sendo muito Elevado no Baixo Alentejo e numa estreita faixa costeira no Norte e Centro e Elevado no restante território do continente.

Efeitos Expectáveis

Em função da previsão da evolução das condições meteorológicas é expectável:

  • Condições favoráveis à eventual ocorrência e propagação de incêndios rurais.

Medidas de Autoproteção

O Serviço Municipal de Proteção Civil recorda que durante o PERÍODO CRÍTICO, de 01 de julho a 30
setembro é PROIBIDO:

  • Fazer Queimadas Extensivas SEM AUTORIZAÇÃO.
  • Fazer Queima de Amontoados SEM AUTORIZAÇÃO.
  • Utilizar fogareiros e grelhadores em todo o espaço rural salvo se, usados fora das zonas críticas e nos locais devidamente autorizados;
  • Fumar ou fazer qualquer tipo de lume nos espaços florestais;
  • Lançar balões de mecha acesa e foguetes. O uso de fogo de artifício só é permitido com autorização da câmara municipal;
  • Fumigar ou desinfestar apiários exceto se os fumigadores tiverem dispositivos de retenção de faúlhas.

O SMPC recomenda a adequação dos comportamentos e atitudes face à situação de perigo de incêndio rural, nomeadamente com a adoção das necessárias medidas de prevenção e precaução, observando a legislação em vigor, e tomando especial atenção à evolução do perigo de incêndio neste período, disponível junto dos sítios da internet da ANEPC e do IPMA.

Consulte a Declaração da Situação de Alerta

Município do Barreiro © 2015 | Todos os direitos reservados

logotipo de wc3amrs logotipologotipo Wiremaze