Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Espaço Memória

Espa o 1 750 2500

imagem

Dadas as características históricas culturais da Cidade do Barreiro, a municipalidade foi-se dotando, ao longo dos tempos, de estruturas orgânicas funcionais que pudessem traduzir essa realidade para o público em geral, como sendo a Galeria Municipal de Arte, as Reservas Museológicas Visitáveis, e o Arquivo Municipal, todas elas com desempenhos na divulgação do acervo patrimonial, artístico, histórico e documental, junto da população em geral com a realização de exposições, rotas culturais ou visitas guiadas com público sénior, e em particular junto da comunidade educativa com a realização de atividades de carácter pedagógico, todo um conjunto de ações que teve como objetivo ajudar a formar uma memória colectiva.

A avaliação de que o Município só teria a ganhar com a concentração destas três vertentes do património cultural, aglomerando-se assim num conjunto os esforços para a sua promoção, levou ao germinar da ideia do Espaço Memória que abriu as portas ao público em 28 de Junho de 2014 constituindo-se como a casa da memória comum.

imagem

No presente, o Espaço Memória na sua componente de divulgação do património histórico-cultural, que tem por base uma série de espólios, arqueológicos ou outros que nos foram legados ou depositados, representando vários sectores de atividade e a investigação desenvolvida sobre os mesmos, oferece ao munícipe a possibilidade de, através de uma exposição interativa sobre as diversas temáticas, ter a perceção do passado da Cidade do Barreiro, no que respeita aos vários sectores produtivos e dos que com o seu trabalho, atividade social e política contribuíram para a realidade atual. Quer-se por um exercício da memória pessoal ou pela apreensão de conteúdos reforçar a memória coletiva.

imagem

No Espaço Memória esse passado coletivo pode ser aprofundado, numa sala dedicada para a consulta, por qualquer pessoa que queira investigar no espólio arquivístico documental, e aqui indagar, sobre temáticas que possam, através de registos documentais escritos, fotográficos, fonográficos ou vídeo, ser reveladores do passado barreirense. Qualquer uma destas componentes arquivísticas se reveste da sua importância específica salientando-se entre eles os que constituem o FHORAL (Fundo de História Oral). Quando tanta importância se dá ao património imaterial, este FHORAL não pode deixar de constituir uma âncora do Espaço Memória, pois através de uma série de entrevistas que podem ser exploradas e que são testemunhos na primeira pessoa, debruçando-se sobre um amplo conjunto de temáticas e de eventos marcantes na história barreirense, e boa parte deles, reveladores da importância que o Barreiro teve no panorama nacional.

imagem

Ao longo dos tempos, por incorporação ou por compra, foi-se constituindo um acervo artístico municipal relevante e parte dele constitui o espólio artístico residente no Espaço Memória. Uma sala de exposições temporárias assume-se como o palco para a sua divulgação seja por autor ou por temática, e para que haja um elo entre o Espaço Memória e a comunidade artística local, ou dos que procurem expor no Barreiro, esta sala será o lugar próprio para interação destes com os públicos.


Saiba mais: http://memoriaefuturo.cm-barreiro.pt
De 3ª feira a sábado – 10h00-13h00 | 14h00 – 18h00
Consulta documental de 2ª a 6ª feira (porta nº8)
Rua 17, nº 10 - Parque Empresarial do Barreiro
2831-904 Barreiro
e-mail: espacomemoria@cm-barreiro.pt

Município do Barreiro © 2015 | Todos os direitos reservados

logotipo de wc3amrs logotipologotipo Wiremaze